Como aumentar o valor das frutas

A maioria das pessoas gostam de comer frutas maduras como manga, laranja, banana e goiaba. As crianças gostam tanto do sabor, que, muitas vezes, até comem frutas verdes! Entretanto, é difícil armazenar as frutas maduras ou transportá-las bem para mercados muito distantes. As frutas das outras pessoas geralmente amadurecem na mesma época, e, assim, os preços do mercado baixam, dificultando a venda por um bom preço.

Portanto, conservar as frutas para saborear o seu paladar durante o ano inteiro é muito importante para evitar o desperdício e aumentar os rendimentos. As maneiras mais simples de conservar frutas são secá-las e fazer sumos, geléias ou picles (chutneys).

Como secar damascos

Os damascos secos são uma boa fonte de vitamina A e açúcar. As pessoas normalmente sacodem os galhos para que os damascos caiam no chão. O caroço é retirado, e os damascos são secos sobre pedras planas por um período de seis a nove dias. Este método produz frutas secas, de coloração castanha (marrom) e polpa dura. Aqui estão algumas ideias para produzir damascos secos de melhor qualidade:

Método para colher frutas à mão
Método para colher frutas à mão
  • Colha os damascos à mão, quando estiverem totalmente maduros, para evitar que se machuquem e para obter frutas de alta qualidade. Pode-se pendurar um tecido ou uma rede por baixo da árvore para colher as frutas maduras.
  • Lave-os com água potável.
  • Corte-os ao meio para remover a amêndoa ou o caroço.
  • Coloque-os numa solução de conservante para conservar as frutas.
  • Seque-os longe da luz direta do sol, embaixo de um secador (consulte a Passo a Passo, edições 21 e 46).
  • Embale-os em sacos de plástico limpos, com rótulos bonitos.
  • Feche os sacos para manter as frutas secas e limpas (consulte a Passo a Passo, edição 57, para ver um vedador de sacos simples).
Secador de frutas
Secador de frutas

Os damascos secos de boa qualidade são muito populares, e talvez haja oportunidade para exportá-los para outros países.

Estas técnicas podem ser usadas com outras frutas maiores, como a manga, o abacaxi e o mamão, as quais precisam ser fatiadas antes de serem tratadas com conservante. Os conservantes não são essenciais, mas ajudam a manter uma cor boa e permitem que a fruta seja armazenada por muito mais tempo.

Adaptado de um documento técnico do ITDG

Picles (chutneys)

Os picles salgados podem ser feitos com todo o tipo de fruta e verdura e são muito bons como temperos (condimentos) para as refeições. Ao contrário das geléias, geralmente é melhor usar frutas ainda não completamente maduras. Aqui está uma receita para experimentar. Pode tentar usar também tomates verdes, mangas verdes ou abóboras, ao invés de mamão.

Picles (chutney) de mamão

  • 6 chávenas (xícaras) de mamão semi-maduro descascado e picado em pedaços pequenos.
  • 1 chávena de cebola picada
  • 3 dentes de alho picados
  • 1⁄2 chávena de gengibre em fatias finas 
  • 3 chávenas de açúcar
  • 1 chávena de água
  • 1⁄2 chávena de vinagre
  • 1 colher de chá de ácido cítrico (opcional)
  • 2 colheres de chá de sumo de limão-lima (galego)
  • 1–2 colheres de chá de pimenta em pó
  • 1 colher de chá de sal
  • 3 colheres de chá de canela, nós moscada ou especiarias mistas

MÉTODO
Cozinhe o mamão, cebola, alho e gengibre na água por alguns minutos. Acrescente todos os outros ingredientes. Ferva em fogo brando por mais 15 ou 20 minutos. Coloque em jarras (potes) de vidro com tampas. Enrole um pano húmido ao redor da jarra enquanto o enche com o picles quente, para evitar que rache. O picles pode ser guardado por dois ou três anos, e o sabor melhora com o tempo.

Como fazer geléias

Muitas frutas são excelentes para fazer geléias. As receitas variam, mas o método é sempre parecido. A fruta usada deve estar madura, limpa e picada em pequenos pedaços, sem casca ou caroço. Ferva a fruta em água, em fogo brando, até a polpa ficar macia. Coloque açúcar e outros ingredientes, e ferva a geléia rapidamente por 5 a 20 minutos. Tenha muito cuidado para evitar respingos, pois estes queimam a pele.

Teste para ver se a geléia está no ponto, colocando uma pequena colherada de geléia num prato limpo. Deixe esfriar por dois ou três minutos. Empurre a geléia com a ponta do dedo para ver se forma uma película e se esta enruga. Quando isto acontece, a geléia está pronta. Coloque em potes para geléia limpos, enrolando-os, primeiro, num pano úmido, para evitar que rachem. Tampe-os ou cubra-os hermeticamente imediatamente. Se a geléia estiver no ponto, ela durará por um ou dois anos.

Geléia de banana e mamão

  • 3 xícaras (chávenas) de mamão maduro
  • 3 xícaras de banana madura
  • 6 xícaras de açúcar
  • 2 colheres de chá de suco de limão-galego ou 1 colher de chá de ácido cítrico
  • 1⁄2 xícara de água

Geléia de abacaxi (ananás)

  • 5 xícaras de abacaxi maduro, picado em pedaços pequenos
  • 3 xícaras de açúcar
  • 2 colheres de chá de suco de limão-galego ou 1 colher de chá de ácido cítrico
  • 1⁄2 xícaras de água

Geléia de manga

  • 4 xícaras (chávenas) de manga madura (descascada e cortada em pedaços pequenos)
  • 3 xícaras de açúcar
  • 1 colher de chá de canela ou especiarias mistas (opcional)
  • 2 colheres de chá de suco de limão-galego ou 1 colher de chá de ácido cítrico
  • 1 xícara de água

Geléia de goiaba

  • 6 xícaras de goiaba madura picada
  • 6 xícaras de açúcar
  • 2 colheres de chá de suco de limão-galego ou 1 colher de chá de ácido cítrico
  • 1⁄2 xícaras de água

Introduzindo os sucos concentrados

Os refrigerantes comerciais são muito caros e têm poucos benefícios nutricionais. Pelo mesmo preço de uma garrafa pequena de refrigerante, tente fazer estes sucos concentrados simples, cheios de vitaminas e que proporcionarão à família uma bebida deliciosa por várias semanas.

Suco concentrado de maracujá

  • 2 xícaras (chávenas) de polpa de maracujá com as sementes
  • 6 xícaras de açúcar
  • 2 xícaras de água
  • 2 colheres de chá de suco de limão-galego ou 1 colher de chá de ácido cítrico

MÉTODO
Dissolva o açúcar na água. Aqueça em fogo brando e acrescente o maracujá. Deixe ferver por dois minutos e retire do fogo. Acrescente o ácido cítrico. Deixe esfriar e coloque em garrafas, usando um coador fino para retirar as sementes. Armazene o suco em garrafas limpas e herméticas. Para beber, dilua o suco com bastante água potável.

Suco concentrado de laranja e limão

  • 3 laranjas e 2 limões
  • 5 xícaras (chávenas) de açúcar
  • 5 xícaras de água
  • 4 colheres de chá de suco de limão-galego ou 2 colheres de chá de ácido cítrico

MÉTODO
Lave as frutas e tire a casca externa com uma faca afiada, deixando a película branca amarga na fruta. Coloque a casca e a água na panela e ferva por quatro minutos. Coloque o açúcar e o ácido cítrico, mexendo para dissolver. Corte as frutas pela metade, esprema o suco e coloque-o na panela já esfriando. Cubra e deixe de um dia para o outro. Coe e coloque o líquido em garrafas limpas e herméticas. Para beber, dilua com água potável. Se possível, use a casca doce para fazer bolos ou sobremesas.

Suco concentrado de limão-galego

  • 3 xícaras (chávenas) de suco de limão-galego
  • 6 xícaras de açúcar
  • 3 xícaras de água
  • 1 colher de chá de ácido cítrico (opcional)

MÉTODO
Lave as frutas e corte-as pela metade. Esprema o suco à mão ou com um espremedor de limão, retirando as sementes. Coloque o suco e a água numa panela e deixe quase ferver. Acrescente o açúcar e o conservante e ferva por apenas dois minutos. Coloque o suco concentrado quente em garrafas limpas e herméticas.

Os limões também podem ser conservados desta maneira, mas o seu suco concentrado não dura tanto tempo quanto o do limão-galego.

Páginas compiladas por Isabel Carter


Conservantes

Para a produção doméstica, quando os alimentos vão ser usados em seguida, não há necessidade alguma de usar conservantes. Entretanto, para pequenas empresas, o uso de conservantes pode ajudar os alimentos a permanecerem frescos por mais tempo.

Há vários conservantes que podem ser usados com frutas. O metabissulfito de sódio freqüentemente é usado para o processamento de alimentos em pequena escala. Este evita ou diminui a coloração marrom (castanha) das frutas e verduras. Uma concentração típica para tratar as frutas e verduras seria 6g de metabissulfito de sódio dissolvido em 10 litros de água. Entretanto, em alguns países, a sua utilização é restrita. 

O ácido cítrico é um conservante popular, barato e seguro. Ele é usado para conservar sucos de frutas e geléias e também ajuda a controlar a coloração marrom das frutas e verduras.

O benzoato de sódio é usado como conservante em sucos de fruta, bebidas, gelatinas e picles.