Cartas

Notícias odontológicas

Vivo na República Democrática do Congo e trabalho em cinco zonas de saúde nos distritos de Ituri e Uele, na província do leste. Como parte do nosso trabalho com a saúde oral, realizamos uma pesquisa e obtivemos os seguintes resultados:

  • 80% das pessoas possuem uma ou mais cáries dentárias.
  • 75% não podem ir ao dentista, por motivos financeiros ou devido à distância.
  • 25% perderam dentes por causa de uma cárie não tratada.
  • 95% têm uma higiene oral ruim – que é a principal causa de cáries dentárias e deve-se à falta de conhecimento.

Esta situação séria tem sido negligenciada por todos os departamentos da saúde. Tivemos a iniciativa de treinar o Sr. Basali Achalina como agente de saúde oral para nos ajudar a criar um serviço odontológico móvel. Ele está procurando melhorar a situação usando uma lanterna comum que ilumina a boca, extraindo dentes e fazendo dentaduras sem máquinas para cortar ou polir, apenas com limas e lixas para poli-las.

Não temos condições de fazer obturações, pois não temos os materiais e os meios para isto. Agradeceríamos por quaisquer sugestões, conselhos ou ajuda para que possamos trabalhar juntos na promoção da boa saúde oral em nossa região.

Beakaka Mangbaiso, Medical Service for Oral Health, Dieu voit tous Dentistry, PO Box 8D4, Arua, Uganda

Cascas de batatas

Gostamos muito da Passo a Passo 48, que promoveu os medicamentos tradicionais. Para queimaduras sérias recomendamos um curativo feito com uma musselina e cascas de batata fervidas, fixadas com uma pasta de farinha de trigo. A camada de cascas de batatas é colocada sobre a queimadura com a camada interna da batata sobre a pele. Ela não cola na queimadura e evita as cicatrizes que geralmente ocorrem, quando a pele se abre durante a troca dos curativos. Esta idéia vem da Índia. O curativo, naturalmente, deve ser esterilizado, antes de ser usado. Voc ê poderia colocá-lo sobre o vapor de uma panela com água.

Os leitores talvez também se interessem em saber que exportamos gratuitamente suprimentos de óculos de segunda mão para serem distribuídos aos pobres. As pessoas experimentam vários pares de óculos e, muitas vezes, acham um que é adequado. Entretanto, pedimos que as pessoas paguem pelo envio postal e por qualquer taxa alfandegária.

Jimmy Richardson, 78 Hutton Road, North Entrance, NSW 2261, Austrália

Compartilhando informações

Tenho recebido a Passo a Passo desde 1996. No início, eu simplesmente a lia e ficava sabendo sobre o trabalho realizado em outras partes do mundo. Aprendi a entender estilos de vida diferentes e maneiras diferentes em que as comunidades resolvem suas necessidades. Porém, logo cheguei à conclusão de que não era justo adquirir estes conhecimentos e não compartilhá-los. Isto levou-me a pedir mais revistas, para dividi-las com os líderes da nossa associação evangélica, que abrange quatro províncias aqui no Equador.

Agora eu distribuo a revista entre este líderes e também entre pastores de vários distritos. Juntos, refletimos sobre os tópicos apropriados para cada local, seja ele urbano ou rural, e procuramos aplicar os que são mais adequados. Não possuímos muitos recursos escritos aqui e não temos acesso à rádio, à TV ou aos jornais. Estamos interessados particularmente em informações sobre a criação de peixes, hortas urbanas, mosquiteiros, secadores solares e o papel da igreja no desenvolvimento e na defesa de direitos. Estamos procurando montar nossa própria biblioteca.

Sempre que visito os pastores, lembro-os dos tópicos recentes e pergunto-lhes o que fizeram com as informações.

Pastor Isidro Alcivar Iglesia, Evangélica Chipe Minuape, Casilla 151, Quevedo, Equador

Administração de tempo

Os programas da minha igreja cobrem todos os dias da semana. Freqüentemente havia muito poucas pessoas presentes em nossos encontros, o que eu achava que se devia à falta de interesse e compromisso. Assim, eu comecei uma campanha de “Administração de Tempo”, com a seguinte ilustração. Todos nós temos 24 horas por dia para usarmos e administrarmos. Nós só precisamos de dormir e descansar durante 8 horas. Se vivermos durante 60 anos, isto quer dizer que dormiremos e descansaremos por 20 anos! A carga horária de trabalho oficial é de 8 horas, o que representa mais 20 anos. A pergunta que devemos fazer agora é o que fazemos com as 8 horas restantes: os outros 20 anos de nossas vidas?

Devemos usá-las para servir a Deus, se não quisermos servir ao nosso inimigo, o diabo! Esta campanha mudou as atitudes indiferentes dos nossos membros para melhor.

Mr Isaac Olanipekua, Box 35961, Agodi PO, Ibadan, Oyo State, Nigéria

Farinha nutritiva

Nós produzimos uma farinha com diferentes ingredientes, sendo que a principal é a farinha de soja. Ela é 100% natural, e incentivamos as pessoas a usá-la com crianças malnutridas, de seis meses a cinco anos de idade. Depois de testar as crianças ao longo de um período de oito meses com esta farinha, o resultado é que elas engordam 1kg em peso para cada 2kg desta farinha usada no preparo de seus alimentos.

A farinha é uma mistura nutritiva de 24 ingredientes, entre eles, farinha de milho, aveia em pó, trigo, farelo de aveia e arroz, sementes de abóbora moídas, mandioca seca, assada e moída, folhas de quiabo e batatadoce, linhaça, gergelim, gelatina, germe de trigo, farinha de trigo, leite de vaca em pó, leite de soja em pó e levedura de cerveja. Ela contém uma mistura equilibrada de carboidratos, proteínas, gordura, fibras, minerais essenciais e vitaminas.

A farinha custa em média $2 por mês por criança. Recomendo a qualquer pessoa interessada em obter mais informações a entrar em contato comigo (em português!).

Reverendo Alexandre Ferreira Pevidor, Cx Postal 358, Pato Branco, Paraná, Cep 85 501 100, Brasil E-mail: afp@qualinet.com.br

Procuram-se problemas!

Voc ê tem algum problema técnico que precise ser resolvido? Sou professor de Engenharia Mecânica na Universidade de Nottingham, e, como parte do nosso curso, estou procurando problemas de engenharia para dar aos meus alunos. Algumas possíveis idéias são:

  • um projeto de um semeador que não precise que a pessoa se abaixe
  • um fogão de combustível “alternativo”
  • um aparelho para vedar sacos de plástico de maneira barata e segura.

Se você tiver alguma outra sugestão, gostaria muito de ouvi-la.

Dr Mike Clifford, School of Mechanical Engineering, University of Nottingham, Nottingham, NG7 2RD, Inglaterra E-mail: mike.clifford@nottingham.ac.uk

Actividades da Child-to-Child

A minha aula de leitores leigos estava ansiosa para saber sobre questões de saúde. Assim, eu lhes dei a tarefa de preparar aulas da Child-to-Child (Criança para Criança) e, então, ensiná-las às crianças em nosso dispensário. Foi um grande sucesso! Tanto os alunos quanto as crianças aprenderam sobre a saúde, e os bebês passaram a ser melhor cuidados. Houve outras aulas depois desta. Os materiais da Child-to-Child são fáceis de usar e estimulam uma boa discussão. Eles podem ser obtidos através da TALC. A foto mostra o dia da entrega de certificados do nosso Programa Child-to-Child.

Mr Martin Carr, Archbishop Janani Luwum Theological College, Gulu, Norte de Uganda