Um mosqueiro simples

Tantas doenças podem ser transmitidas por moscas que um mosqueiro eficaz e prático seria muito útil. Meegan e Morley inventaram uma armadilha simples que pode apanhar entre 200 e 300 moscas por dia e é feito de garrafas plásticas. 

A garrafa inferior é pintada com uma tinta escura para eliminar a claridade e dois buracos são feitos próximos à base. Uma isca com cheiro, assim como o estrume de bode, deve ser colocada no fundo. Deve-se cortar o fundo da garrafa superior e esta é encaixada firmemente na garrafa inferior. Corte um quadrado de plástico de uma outra garrafa, enrole-o formando um tubo, e empurre-o para dentro do gargalo da garrafa inferior para conectar as duas. Pendure o mosqueiro. As moscas entram pelo fundo, alimentam-se e voam para a parte superior iluminada, onde ficam presas. Quando as moscas estiverem mortas, abra o mosqueiro, retire-as e monte o mosqueiro novamente. As moscas podem servir de alimento para as galinhas! 

Retirado da publicação The Lancet, volume 349, 1997, p886.