Cartas

Abordagens comunitárias da deficiência

Muito obrigada por sua excelente edição da Passo a Passo sobre pessoas com deficiências. Os leitores podem ter interesse em saber de uma nova abordagem que liga a reabilitação com base na comunidade e o trabalho de desenvolvimento comunitário em geral. Nós a chamamos de Abordagens Comunitárias da Deficiência. Elas ajudam as organizações de desenvolvimento comunitário existentes a adquirir consciência, conhecimento e habilidades, a fim de incluir pessoas com deficiências em seu trabalho existente.

As Abordagens Comunitárias da Deficiência procuram diminuir a exclusão das pessoas com deficiências e as atitudes negativas em relação a elas e interromper o ciclo negativo que liga a pobreza à deficiência. As Abordagens Comunitárias da Deficiência estão sendo experimentadas na Ásia pela Handicap International e pela Christoffel Blinden Mission, em parceria com organizações locais.

Jane Schofield, Gurung Community Based Rehabilitation Service (CBRS), Naya Bazaar, PO Box 293, Pokhara, Nepal E-mail: cbrs@mail.com.np Para obter mais informações, entre em contato com: handicap-international@infonie.fr Website: www.handicap-international.org

Treinamento sobre plantas medicinais

Fiquei muito interessado ao ler a edição da Passo a Passo sobre plantas medicinais. Nosso grupo tem estado interessado em plantas medicinais por mais ou menos 25 anos. Gradualmente fomos estabelecendo um centro de treinamento e criando um jardim botânico. O jardim possui 182 variedades locais de plantas medicinais. Realizamos seminários de treinamento em plantas medicinais e dinâmicas de grupo em francês para grupos de 15 a 60 participantes. Por favor, escreva pedindo informações, se estiver interessado em participar destes seminários.

Hervé de Lauture, CADI (Centre d’Application au Développement Intégré), BP6259, Dakar, Senegal

O Movimento Deborah

Um grupo de mulheres teve a idéia de reunir todas as mulheres de igrejas evangélicas em Burquina Faso para intercessão, evangelismo e para treiná-las no uso de estudos bíblicos.

Elas lançaram o Movimento Deborah. Com o auxílio de vários grupos de igrejas, elas organizaram Dias de Oração, para orar pelo país. Metade do dia é usado para ensinar, e a outra metade, para orar pelas várias necessidades do país.

Foi realizado um segundo dia de oração pela AIDS (SIDA) em 2002, com uma preocupação especial pelos 200.000 órfãos do país. Estes dias representaram um incentivo enorme, e agora estamos planeando uma conferência internacional em novembro.

Joanna Ilboudo, Contact Editions 04 BP 8463, Ouagadougou 04, Burquina Faso

Água para a saúde

As pessoas freqüentemente não bebem água suficiente. Isto faz com que tenham problemas de saúde, tais como problemas de estômago, tonturas e pele seca. Para incentivar as pessoas a beber mais água, tentamos a seguinte demonstração.

  • Corte a parte de baixo de uma garrafa de plástico de refrigerante com um gargalo estreito. Encha a garrafa até a metade com uma mistura de cascalho, areia e terra. Coloque oito copos cheios de água em fila.
  • Explique às pessoas que beber água é importante para que o organismo elimine os resíduos. Comece derramando a água dos copos lentamente na garrafa. A água parece suja no início. Se não se bebe água suficiente, a sujeira que sobra no organismo causa problemas.
  • Continue derramando os copos de água na garrafa. Gradualmente a água fica transparente. Cada pessoa deveria beber, pelo menos, oito copos de água por dia. Isto mantém o organismo saudável, pois as impurezas são eliminadas pela água.

Louise Fong, Projeto Grace, Yunnan, China

Ervas daninhas úteis

Li o artigo sobre ervas daninhas úteis na Passo a Passo 48 com grande interesse. Na Nigéria, o povo Tiv, do estado de Benue, possui muitas galinhas locais, as quais são constantemente afetadas pela doença de Newcastle. O povo Tiv usa um meio barato de controlar esta doença perigosa. Eles usam a striga, uma erva daninha comum do milho e do sorgo, e acham este tratamento tão eficaz quanto a vacina.

Eles deixam a planta inteira da striga de molho na água por 10–20 minutos. Com a planta ainda na água, eles a dão para as galinhas beberem. Esta mistura deve ser mantida sempre com água até ao topo. Continue o tratamento por uma semana.

Akaa Ijir, PO Box 491, Makurdi 970001, Benue State, Nigéria

Reflexões sobre o HIV (VIH) / AIDS (SIDA)

As estatísticas mostram claramente que, a menos que sejam tomadas medidas drásticas imediatamente, a epidemia do HIV (VIH)/AIDS (SIDA) custará a vida de metade da população africana dentro de uns poucos anos. Calcula-se que mais de 7.000 africanos estejam morrendo e 11.000 estejam contaminando-se com o vírus a cada dia!

Se os recursos para exames do HIV e os remédios que salvam vidas estivessem disponíveis e tivessem um preço razoável, mais pessoas seriam encorajadas a fazer o exame do HIV. Mais de 90% das pessoas que descobrem que têm o vírus tentam evitar passá-lo para os outros até morrerem. Isto ajuda a diminuir a transmissão da doença.

Os remédios que salvam vidas, tais como o Nevirapine, ajudam a diminuir a contaminação do HIV (VIH)/AIDS (SIDA) da mãe para o filho. Entretanto, aumentar a sobrevivência da criança sem fazer nada para prolongar a vida da mãe resulta em órfãos com um futuro incerto.

As crianças que ficam órfãs por causa da AIDS (SIDA) devem ser ajudadas de maneira sustentável, com educação e treinamento que as tornem auto-suficientes no final. Não é aconselhavel despejar dinheiro nas instituições para órfãos, pois as famílias extensas acabarão cedendo sua responsabilidade tradicional de cuidar de seus órfãos. É vital que se fortaleçam e apóiem as famílias extensas africanas, para que tomem conta de seus órfãos.

Dr Eben Mwasha, PHC Ambassadors Foundation, PO Box 9618, Moshi, Tanzânia E-mail: paftrustees@elct.org