Pular para o conteúdo Ir para o consentimento do cookie
Turistas usando a passarela suspensa de Mida Creek, construída com o fim de levantar verbas para mandar as crianças para a escola secundária e para mostrar um forte compromisso com a conservação. Foto: Colin Jackson

Da: Recursos naturais – Passo a Passo 82

Como cuidar dos preciosos recursos naturais dos quais todos nós dependemos

Viveiro de árvores da escola local para o reflorestamento de mangues nas margens das lagunas. Foto Steve Collins

Viveiro de árvores da escola local para o reflorestamento de mangues nas margens das lagunas. Foto Steve Collins

by Judith Collins.

Antigamente, a maneira como os habitantes da região de Mosquitia, em Honduras, usavam seus recursos naturais causava pouco impacto permanente nas vastas áreas florestais e pantanosas da região. Porém, o rápido crescimento populacional, o influxo de novos colonos e a mudança gradual de uma economia de subsistência para uma economia de mercado estão criando pressão sobre os frágeis ecossistemas da região. Os atuais problemas são o desmatamento, a pesca e a caça excessivas, a erosão e a poluição do solo e da água.

Identificação comunitária do problema

Há muito tempo, os líderes locais já haviam reconhecido que a utilização excessiva dos recursos naturais estava ameaçando a saúde, o bem-estar e até mesmo a sobrevivência das suas comunidades. Porém, uma série de encontros de treinamento facilitados pela parceira da Tearfund, MOPAWI, ajudou as comunidades a descobrirem sozinhas quais eram a natureza e a escala da ameaça.

Homens, mulheres e crianças de 15 comunidades diferentes, bem como representantes de organizações e autoridades locais, trabalharam juntos para desenvolver um plano de ação para a utilização racional e a conservação dos seus recursos naturais compartidos. Eles usaram os seis passos apresentados nas páginas 8–9. 

Ação comunitária

Desde os encontros de treinamento, vários grupos comunitários puseram em prática diferentes aspectos do plano. Por exemplo:

  • A erosão nas margens das lagunas está sendo enfrentada através do replantio de mangues e outras espécies de árvores.
  • Sempre que possível, o lixo, que costumava ser atirado no chão, queimado ou enterrado, está sendo reutilizado, reciclado ou transformado em composto. O composto é usado para cultivar legumes, uma nova atividade para muitos residentes locais.
  • Para proteger a qualidade da água e melhorar a saúde comunitária, os problemas de saneamento básico estão sendo enfrentados através do ensino sobre a saúde nas escolas e através da construção de latrinas.
  • Os agricultores foram ensinados sobre a utilização de técnicas de agrossilvicultura sustentável.
  • Grupos locais estão fazendo lobby junto a funcionários do governo local e nacional para que haja uma maior execução da lei, especialmente em relação à extração de madeira, à pesca, à caça e ao influxo de novos colonos na região.

Lições aprendidas

É importante ter:

  • facilitadores sensíveis e experientes que possam guiar bem o processo sem impor as suas próprias idéias
  • um alto nível de participação comunitária, resultando no empoderamento e no senso de apropriação
  • o envolvimento de organizações e autoridades locais, como escolas, postos de saúde, polícia, governo local e agências responsáveis pela proteção e/ou pela gestão dos recursos naturais da região
  • bastante tempo para que os participantes discutam e analisem as questões históricas, culturais, espirituais, sociais e econômicas interligadas que afetam o uso dos seus recursos naturais
  • um grupo de pessoas que seja responsável pela coordenação, pelo monitoramento e pela avaliação geral do plano de ação. Este grupo também poderia estar envolvido em atividades como a captação de verbas e o lobby.

Consulte as páginas 8 e 9 para ver o processo, o qual pode ser adaptado e utilizado na sua comunidade.

Conteúdo com tags semelhantes

Compartilhe este recurso

Se você achou este recurso útil, compartilhe-o com outras pessoas para que elas também possam se beneficiar

Cadastre-se agora para receber a revista Passo a Passo

Uma revista digital e impressa gratuita para pessoas que trabalham na área de desenvolvimento comunitário

Cadastre-se agora

Preferências de cookies

Sua privacidade e paz de espírito são importantes para nós. Temos o compromisso de manter seus dados em segurança. Somente coletamos dados de pessoas para finalidades específicas e não os mantemos depois que elas foram alcançadas.

Para obter mais informações, inclusive uma lista completa de cookies individuais, consulte nossa política de privacidade.

  • Estes cookies são necessários para o funcionamento do site e não podem ser desativados em nossos sistemas.

  • Estes cookies permitem-nos medir e melhorar o desempenho do nosso site. Todas as informações coletadas por eles são anônimas.

  • Estes cookies permitem uma experiência mais personalizada. Por exemplo, eles podem lembrar em que região você está, bem como suas configurações de acessibilidade.

  • Estes cookies ajudam-nos a personalizar os nossos anúncios e permitem-nos medir a eficácia das nossas campanhas.