Ir para o consentimento do cookie

Apesar de as crianças com deficiência física no Sudão do Sul terem direito à educação, conforme consagrado na Convenção sobre os Direitos da Criança da ONU, elas têm dificuldade no acesso às escolas. As crianças com deficiência física não podiam usar as instalações das escolas, tais como latrinas de fossa ou as salas de aula sem rampas ou mal iluminadas para alunos com deficiência visual.

Puede descargar este estudio de caso en el panel que aparece a continuación. Role para baixo paracontinuar lendo nesta página.

Ver ou baixar este recurso

Obter este recurso

O parceiro da Tearfund, a Sudan Evangelical Mission (SEM), identificou esse problema no estado de Equatória Ocidental, no Sudão do Sul. A organização demonstrou boas práticas ao melhorar a infraestrutura de algumas escolas para permitir que as crianças com deficiência física tivessem acesso às suas instalações. A SEM também combateu as opiniões negativas das comunidades relevantes sobre a inclusão de crianças com deficiência nas escolas regulares. Depois de realizar reuniões comunitárias para apresentar as escolas que haviam sido modificadas, as comunidades passaram a apoiar muito mais esse trabalho. A SEM, então, reuniu-se com os principais funcionários do governo do condado, tais como o engenheiro e o diretor de educação do condado, para discutir os obstáculos que as crianças com deficiência física enfrentavam para ter acesso à educação e forneceu exemplos concretos do que estava procurando alcançar com o lobby em visitas às escolas que ela havia modificado.

Como resultado do apoio das comunidades, da conscientização da comunidade e dos funcionários do governo do condado em torno dessa questão e dos exemplos de boas práticas fornecidos, o engenheiro concordou em começar a usar as medidas especificadas, fornecidas pela SEM. Eles construíram rampas, latrinas de fossa, janelas, salas de aula e portas com medidas acessíveis em todas as construções do município, não apenas nas escolas, mas também em igrejas e postos de saúde. Para manter o governo do condado responsável por isso, a SEM tem ajudado as pessoas com deficiência a monitorar os esforços do governo para fornecer acesso às escolas para as crianças com deficiência física. Eles também encorajaram o governo do condado a integrar os serviços de deficiência em seus planos de trabalho a fim de fornecer um orçamento suficiente para esse trabalho nos próximos anos.

Este breve estudo de caso, sobre os temas: crianças e educação, direitos humanos, estigma e discriminação, e saúde, mostra um exemplo do impacto da utilização das seguintes abordagens de advocacy:

Os estudos de caso podem ser usados juntamente com o Kit de ferramentas de Advocacy, pois fornecem exemplos práticos para ilustrar a abordagens descritas.

Conteúdo com tags semelhantes

Compartilhe este recurso

Se você achou este recurso útil, compartilhe-o com outros para que eles também possam se beneficiar

Receba nossas novidades por e-mail

Fique sabendo em primeira mão sobre nossa aprendizagem e recursos mais recentes

Cadastre-se agora

Preferências de cookies

Sua privacidade e paz de espírito são importantes para nós. Temos o compromisso de manter seus dados em segurança. Somente coletamos dados de pessoas para finalidades específicas e não os mantemos depois que elas foram alcançadas.

Para obter mais informações, inclusive uma lista completa de cookies individuais, consulte nossa política de privacidade.

  • Estes cookies são necessários para o funcionamento do site e não podem ser desativados em nossos sistemas.

  • Estes cookies permitem-nos medir e melhorar o desempenho do nosso site. Todas as informações coletadas por eles são anônimas.

  • Estes cookies permitem uma experiência mais personalizada. Por exemplo, eles podem lembrar em que região você está, bem como suas configurações de acessibilidade.

  • Estes cookies ajudam-nos a personalizar os nossos anúncios e permitem-nos medir a eficácia das nossas campanhas.