Da: Cuidados de saúde sustentáveis – Passo a Passo 37

Trabalho conjunto para estabelecer prioridades de saúde e melhorar a prestação de serviços de saúde locais

Ponto de Vista da Comunidade Boureima Kabre

Quando iniciamos um novo projecto comunitário, é essencial termos o total envolvimento de todas as camadas sociais que compõem a comunidade em questão. Cada sociedade tem os seus próprios conhecimentos e habilidades que lhe permite funcionar, independentemente de quão pobres os seus membros possam ser.

Aqui no GRAAP (Groupe de Recherche et d’Appui a l’Auto-promotion Paysanne), nós desenvolvemos um processo para permitir que todos os grupos da sociedade expressem os seus pontos de vista, incluindo as mulheres e as crianças.

A estrutura

Cada bairro é representado por uma delegação, formada por membros de todos os grupos sociais – incluindo líderes, adultos (homens e mulheres) e jovens. Estes passam a formar sub-grupos da seguinte maneira:

Às vezes, é necessário formar mais grupos para que tribos, refugiados, pessoas deficientes ou trabalhadores migrantes sejam incluídos. Para alcançar um resultado equilibrado, é útil certificar-se de que a quantidade de membros em cada grupo corresponde ao tamanho dos mesmos na população.

Preocupações

Cada um destes sub-grupos deve escolher um porta-voz e um organizador para liderar as discussões. O mesmo assunto é debatido por todos os sub-grupos, que preparam uma lista de todas as suas idéias, em ordem de importância. As suas três preocupações principais são então levadas à Assembléia Geral de todos os sub-grupos. Os portavozes apresentam as três prioridades selecionadas pelos seus sub-grupos, usando símbolos familiares para representá-los (por exemplo: um galho para representar a madeira, um sapato para representar o transporte, feijões para representar as sementes).

Prioridades

Uma vez que todos os sub-grupos tenham expressado os seus pontos de vista, todos os representantes têm condições de decidir quais são as prioridades gerais da comunidade. Cada pessoa pega o mesmo número de pedras (isto pode variar de acordo com o número de prioridades identificadas, preferencialmente entre 5 e 10). Elas colocam as pedras ao longo dos símbolos, representando as suas próprias prioridades. No final da sessão, as pessoas que não são membras dos sub-grupos somam as pedras. Ao usarem este método, as opiniões dos líderes aceitos pela comunidade, assim como as questões que eles consideram prioritárias, não são automaticamente colocadas em evidência. Os pontos de vista de cada sub-grupo podem ser levados à atenção de todas as seções da comunidade, garantindo assim que as mulheres e os jovens tenham a oportunidade de partilharem o que pensam. As prioridades que recebem o maior número de votos (pedras) são, portanto, as prioridades principais da maioria da comunidade, que passa a procurar maneiras de melhorar a situação e tentar resolver estas prioridades.

Quando manter-se quieto

Eu tenho visto que o melhor método para liderar discussões não é expressar as suas próprias opiniões e conhecimentos, mas sim, permitir que as pessoas descubram sobre a situação por si próprias, pensem a respeito dela e então façam algo a respeito disso. Isto pode ser alcançado com o uso da arte de fazer perguntas com destreza, assim como Jesus fazia (Lucas 7:36-43). No entanto, às vezes há dificuldades ou situações embaraçosas que as pessoas evitam tentar resolver. Talvez não haja outra alternativa e, de maneira cuidadosa, devemos expressar as nossas opiniões e incentivar que algo seja feito a esse respeito (Mateus 12:9-13, Lucas 14:1-6).

Não devemos hesitar em partilhar a verdade, se necessário, pois somos o sal e a luz do mundo (Mateus 5:13-16).

Boureima Kabre é um facilitador do GRAAP. O endereço dele é o seguinte: BP 143, Koujiela, Burkina Faso, África Ocidental.

Conteúdo com tags semelhantes

Compartilhe este recurso

Se você achou este recurso útil, compartilhe-o com outros para que eles também possam se beneficiar

Cadastre-se agora para receber a revista Passo a Passo

Uma revista digital e impressa gratuita para pessoas que trabalham na área de desenvolvimento comunitário

Cadastre-se agora