Ir para o consentimento do cookie

Da: Doenças transmissíveis – Passo a Passo 112

Como reduzir a disseminação e o impacto das doenças transmitidas de pessoa para pessoa

As igrejas podem desempenhar um papel muito importante durante os surtos de doenças como o ebola e a Covid-19. Além de dar esperança e prestar cuidados práticos, elas podem promover mensagens de saúde claras e dar um bom exemplo. Abaixo, estão algumas dicas práticas para ajudar as igrejas e os líderes religiosos a responder bem a qualquer crise de saúde pública.

Promova mensagens corretas

Forneça mensagens claras, atualizadas e corretas sobre a doença, adequadas ao contexto e baseadas nas orientações científicas (por exemplo: da Organização Mundial da Saúde). Use formas criativas de compartilhar informações, como, por exemplo: através de reuniões da igreja e da comunidade (se permitido), dança, teatro, telefonemas, redes sociais, rádio comunitária, vídeos e cartazes.

As mensagens devem incluir orientações claras sobre como reduzir a disseminação da doença.

Conteste as mensagens falsas

O medo ou a falta de compreensão podem levar ao pânico. As pessoas podem fazer falsas acusações contra os que estão com a doença, causando estigma e discriminação.

Ouça sua comunidade para descobrir se há mensagens prejudiciais circulando e, depois, manifeste-se e corrija-as. Procure acalmar o medo e promover atitudes e comportamentos positivos com amor e sem julgamentos.

Ajude os membros das igrejas a usar a Bíblia como base para sua resposta à doença. A Bíblia mostra-nos que não devemos culpar as pessoas que adoecem. Em vez disso, somos chamados a abençoar as pessoas ao nosso redor de forma prática, atendendo às suas necessidades emocionais e espirituais (Mateus 5:13-16).

Cuide da congregação

Os membros das igrejas podem se sentir isolados, com medo ou tristes. Alguns podem não estar bem ou podem estar em luto pela perda de entes queridos. Outros podem estar passando por dificuldades financeiras.

Se não for possível encontrar-se com eles pessoalmente, procure outras maneiras de ajudá-los a permanecer conectados para que possam se apoiar mutuamente. Isso poderia ser feito através de chamadas de vídeo, telefonemas ou grupos de WhatsApp.

Demonstre comportamentos seguros

Todos os membros das igrejas devem dar o exemplo, demonstrando comportamentos com o potencial de salvar vidas e prevenir a disseminação da doença, tais como lavar as mãos regularmente.

Cuide da comunidade

Como corpo de Cristo, somos chamados a amar a Deus e ao próximo (Marcos 12:30-31). Devemos demonstrar o estilo de vida de Jesus em tempos de crise, vivendo e falando sobre uma vida de esperança, amor e cuidado às pessoas ao nosso redor.

Isso pode incluir verificar como as pessoas vulneráveis e isoladas estão para garantir que tenham comida suficiente e que suas outras necessidades básicas sejam atendidas. Também podemos falar em nome delas para garantir que os mais vulneráveis não sejam esquecidos pelos responsáveis pelas políticas.

Ore pelo fim da doença

A igreja recebeu toda a armadura de Deus para responder ao rompimento deste mundo (Efésios 6:10-20). Sabemos que nossas batalhas não são realmente físicas, mas sim “contra os dominadores deste mundo de trevas, contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais” (Efésios 6:12b). Jesus entende nossos medos e preocupações e pede-nos que os levemos até ele em oração (1 Pedro 5:7).

Acesse a seção sobre Covid-19 para obter estudos bíblicos e muitos outros recursos para igrejas e seus líderes.

Perguntas para discussão

Conteúdo com tags semelhantes

Compartilhe este recurso

Se você achou este recurso útil, compartilhe-o com outros para que eles também possam se beneficiar

Cadastre-se agora para receber a revista Passo a Passo

Uma revista digital e impressa gratuita para pessoas que trabalham na área de desenvolvimento comunitário

Cadastre-se agora

Preferências de cookies

Sua privacidade e paz de espírito são importantes para nós. Temos o compromisso de manter seus dados em segurança. Somente coletamos dados de pessoas para finalidades específicas e não os mantemos depois que elas foram alcançadas.

Para obter mais informações, inclusive uma lista completa de cookies individuais, consulte nossa política de privacidade.

  • Estes cookies são necessários para o funcionamento do site e não podem ser desativados em nossos sistemas.

  • Estes cookies permitem-nos medir e melhorar o desempenho do nosso site. Todas as informações coletadas por eles são anônimas.

  • Estes cookies permitem uma experiência mais personalizada. Por exemplo, eles podem lembrar em que região você está, bem como suas configurações de acessibilidade.

  • Estes cookies ajudam-nos a personalizar os nossos anúncios e permitem-nos medir a eficácia das nossas campanhas.