Ir para o consentimento do cookie

Da: Lar e hospitalidade - Passo a Passo 116

Como a hospitalidade, a bondade e o planejamento podem reduzir a vulnerabilidade e ajudar as comunidades a florescer

Observe que este artigo contém referências à violência sexual e de gênero. 

Quando Ella* era criança, em um pequeno povoado na zona rural da Libéria, seu pai sempre dizia que mandá-la para a escola seria uma perda de tempo e dinheiro. Em vez disso, quando tinha apenas oito anos de idade, Ella foi enviada para uma sociedade feminina secreta cujo objetivo era preparar meninas para o casamento.

Ella sofreu mutilação genital feminina como parte da iniciação na sociedade e, depois, permaneceu na sociedade por dois anos, onde recebeu treinamento em tarefas domésticas.

Quando Ella voltou para seu povoado, a família fez uma festa para recebê-la em casa.
No entanto, depois da festa, Ella foi atacada e estuprada por um homem do povoado. Quando ela contou o que havia acontecido aos pais, eles disseram que ela, agora, teria que se casar com o homem que a havia atacado.

Fuga da violência

Traumatizada, Ella fugiu para a floresta próxima. Assustada e sozinha, ela não tinha nenhum lugar seguro para onde ir. Depois de alguns dias, Ella conheceu um caçador que a acolheu e a deixou ficar com sua família, mas logo ela foi forçada a se casar com o filho do caçador: ela tinha 12 anos e ele 25.

Ao longo dos anos, Ella teve sete filhos. A família vivia em extrema pobreza. Ella pescava peixes em um riacho próximo para comer, enquanto seu marido trabalhava como diarista cortando capim.

Depois de uma vida inteira de abusos e traumas, Ella estava exausta e perdendo as esperanças e começou a beber para não se sentir impotente e sem valor.

Em busca da cura

Ella foi convidada para um workshop de Jornada para a Cura, administrado por uma organização parceira local da Tearfund. Lá, ela conheceu outras mulheres com histórias de sofrimento e abuso semelhantes e, finalmente, foi capaz de falar sobre seu trauma de infância pela primeira vez.

Ao compartilharem suas histórias, Ella e as mulheres encontraram amor e carinho dentro do grupo. Elas também começaram a economizar dinheiro e trabalhar em projetos juntas para ajudá-las a ter uma renda. Agora, Ella cultiva arroz e amendoim perto de casa e seus filhos têm alimentos suficientes para comer todos os dias. 

Pela primeira vez na vida, Ella está começando a conhecer seu verdadeiro valor e se sentindo otimista quanto ao futuro. “Agora, tenho uma família que se preocupa”, diz ela, falando sobre seu grupo de apoio no programa Jornada para a Cura. Ella também está ajudando a proteger e apoiar outras mulheres facilitando, ela mesma, um grupo de apoio. Ela diz: “Nunca pensei que pudesse fazer isso, que outras pessoas me ouviriam… Espero poder fazer mais por outras pessoas no futuro”.

 

*O nome foi mudado.

O processo da Jornada para a Cura

Durante a Jornada para a Cura, as sobreviventes de violência sexual e de gênero são convidadas a compartilhar suas histórias em grupos de apoio de pares sem estigma e a começar a falar contra o abuso que sofreram. Ao falarem sobre sua dor em um ambiente de aceitação, as sobreviventes iniciam o processo de cura. 

As mulheres também são orientadas sobre como reconhecer e denunciar a violência sexual e de gênero em suas comunidades.

Com o tempo, muitas mulheres dos grupos iniciam esquemas de poupança e outras atividades para ajudá-las a seguir adiante com sua vida. Além disso, as participantes dos grupos frequentemente veem as necessidades em sua comunidade mais ampla e desenvolvem atividades para ajudar de alguma forma. Por exemplo, um grupo era constituído por muitas mulheres que haviam sido estupradas quando muito jovens enquanto seus pais estavam trabalhando. Elas perceberam que muitas crianças em sua comunidade estavam igualmente vulneráveis, então, criaram um clube de deveres de casa para garantir que as crianças não precisassem ficar sozinhas em casa.

"Journey to Healing" é um modelo de sucesso que pode ser facilmente adaptado para diferentes contextos. Para obter mais informações e baixar os manuais de treinamento (disponíveis em espanhol, francês e inglês), acesse learn.tearfund.org e pesquise “Journey to Healing” (Jornada para a Cura) ou escreva para nós usando o endereço na página 2. 

Leitura adicional

Conteúdo com tags semelhantes

Compartilhe este recurso

Se você achou este recurso útil, compartilhe-o com outros para que eles também possam se beneficiar

Cadastre-se agora para receber a revista Passo a Passo

Uma revista digital e impressa gratuita para pessoas que trabalham na área de desenvolvimento comunitário

Cadastre-se agora

Preferências de cookies

Sua privacidade e paz de espírito são importantes para nós. Temos o compromisso de manter seus dados em segurança. Somente coletamos dados de pessoas para finalidades específicas e não os mantemos depois que elas foram alcançadas.

Para obter mais informações, inclusive uma lista completa de cookies individuais, consulte nossa política de privacidade.

  • Estes cookies são necessários para o funcionamento do site e não podem ser desativados em nossos sistemas.

  • Estes cookies permitem-nos medir e melhorar o desempenho do nosso site. Todas as informações coletadas por eles são anônimas.

  • Estes cookies permitem uma experiência mais personalizada. Por exemplo, eles podem lembrar em que região você está, bem como suas configurações de acessibilidade.

  • Estes cookies ajudam-nos a personalizar os nossos anúncios e permitem-nos medir a eficácia das nossas campanhas.