Pular para o conteúdo Ir para o consentimento do cookie

Escute primeiro!

O simples ato de ouvir pode dar às comunidades a confiança de que precisam para agir

2022

Uma mulher e um homem, em pé, ouvindo a uma mulher mais velha em Kerala, na Índia

O simples ato de ouvir pode oferecer às comunidades como esta, em Kerala, na Índia, a confiança de que precisam para agir. Foto: Bobby Zachariah

Três mulheres bolivianas sorrindo e rindo juntas

Da: Comunicação participativa - Passo a Passo 117

Como oferecer oportunidades para que as pessoas compartilhem suas ideias e influenciem mudanças

Produzo um podcast (uma gravação de áudio com entrevistas e discussões) chamado “Como desenvolver um senso de comunidade”. Todo mês, entrevisto alguém que tenha participado de um projeto comunitário de grande impacto. Eles me contam sua história e compartilham sua sabedoria. Já falei com pessoas de todo o mundo, mas uma das minhas entrevistas favoritas foi com um assistente social chamado Bobby Zachariah, de Pune, na Índia.

De porta em porta

Pune abriga tanto comunidades de baixa renda quanto empresas de tecnologia ricas. Bobby explicou que uma dessas empresas de tecnologia tinha um projeto de caridade com a finalidade de oferecer educação e oportunidades em uma das áreas mais pobres da cidade. A empresa tinha um orçamento alto, um desejo genuíno de ajudar e conhecimentos técnicos. Porém, como a comunidade se via como beneficiária e não coproprietária do projeto, poucas pessoas mostraram interesse em participar.

A empresa pediu ajuda a Bobby e perguntou-lhe o que devia fazer. Ela havia gastado muito dinheiro ao longo de vários anos, com muito poucos resultados até então. O conselho de Bobby foi uma surpresa. Ele sugeriu que, em vez de tentar resolver os problemas da comunidade por ela, a empresa deveria começar a ir de porta em porta no bairro perguntando às pessoas como elas estavam e simplesmente escutá-las.

E foi isso que ela fez. Todos os fins de semana, um grupo da empresa começou a visitar a comunidade e conversar com as pessoas para saber mais sobre sua vida e o que era importante para elas.

Confiança

Este simples ato de escutar começou a mudar a comunidade. A população local estava acostumada a se sentir desvalorizada, mas, ao serem escutadas, as pessoas começaram a criar confiança para enfrentar seus próprios desafios. 

Isso as levou a participar de um exercício de “construção de sonhos”, durante o qual elas  identificaram vários objetivos para sua comunidade, inclusive melhorias nas áreas de saúde, saneamento e educação.

A comunidade formou grupos de voluntários, constituídos de jovens, mulheres e homens, e pediu ao governo local que trabalhasse com eles para alcançar esses objetivos. Ela também recorreu à empresa de tecnologia para obter financiamento e experiência para que isso acontecesse. Assim, a empresa de tecnologia deixou de ser ignorada e passou a desempenhar um papel fundamental na facilitação de mudanças empolgantes lideradas pela comunidade.

Trabalho conjunto

Escutar é um elemento essencial da comunicação participativa e pode levar a resultados inesperados e impressionantes. Quando as comunidades, as organizações locais e os formuladores de políticas escutam uns aos outros, os mal-entendidos geralmente são resolvidos e as pessoas aprendem a trabalhar juntas de novas maneiras.

 
Leitura adicional

Leitura adicional

Desenhos

Desenhos

Pode ser difícil ou constrangedor para as pessoas falar sobre certos assuntos, tais como a defecação a céu aberto ou uma briga entre vizinhos, mas os membros da comunidade geralmente sabem que essas são questões importantes, que precisam ser abordadas.

Uma maneira de iniciar a conversa é pedir às pessoas que façam desenhos simples para ilustrar suas preocupações, os quais, então, podem ser mostrados a todos, sem que ninguém precise saber quem os fez.

Pode ser encorajador para os grupos ver que várias pessoas compartilham das mesmas preocupações, e o exercício pode levar a ótimas conversas. Dependendo do contexto, pode ser útil que as mulheres, os homens e as crianças tenham conversas separadas, pelo menos inicialmente. 

Conteúdo com tags semelhantes

Compartilhe este recurso

Se você achou este recurso útil, compartilhe-o com outras pessoas para que elas também possam se beneficiar

Cadastre-se agora para receber a revista Passo a Passo

Uma revista digital e impressa gratuita para pessoas que trabalham na área de desenvolvimento comunitário

Cadastre-se agora

Preferências de cookies

Sua privacidade e paz de espírito são importantes para nós. Temos o compromisso de manter seus dados em segurança. Somente coletamos dados de pessoas para finalidades específicas e não os mantemos depois que elas foram alcançadas.

Para obter mais informações, inclusive uma lista completa de cookies individuais, consulte nossa política de privacidade.

  • Estes cookies são necessários para o funcionamento do site e não podem ser desativados em nossos sistemas.

  • Estes cookies permitem-nos medir e melhorar o desempenho do nosso site. Todas as informações coletadas por eles são anônimas.

  • Estes cookies permitem uma experiência mais personalizada. Por exemplo, eles podem lembrar em que região você está, bem como suas configurações de acessibilidade.

  • Estes cookies ajudam-nos a personalizar os nossos anúncios e permitem-nos medir a eficácia das nossas campanhas.