Pular para o conteúdo Ir para o consentimento do cookie

Artigos

Energia para todos

As soluções de energia sustentável podem reduzir tanto a mudança climática quanto a pobreza

Mike Clifford 2021

Shanti de pé em sua alfaiataria com teto de vigas de madeira, passando uma camisa de colarinho azul ao lado de um ferro de passar roupa

Desde que a energia hidrelétrica chegou ao seu povoado, Shanti conseguiu expandir seu negócio de costura trabalhando depois de escurecer. Agora, ela também pode usar uma máquina de costura elétrica e um ferro elétrico. Foto: Kit Powney/Tearfund

Lameck Chibago, na Tanzânia, segurando um painel solar em direção ao sol no telhado da sua casa

Da: Energia sustentável - Passo a Passo 114

Exemplos práticos de como a energia sustentável fora da rede pode melhorar a vida diária das pessoas.

A energia é importante em quase todos os aspectos da vida, inclusive para o transporte, a saúde, a indústria, a educação, a comunicação, a iluminação, a segurança, a refrigeração, o aquecimento e o preparo de alimentos.

No entanto, apesar do progresso significativo, o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 7 – “Garantir o acesso à energia acessível, confiável, sustentável e moderna para todos” – está longe de ser alcançado até 2030, o ano de referência.

Os últimos números das Nações Unidas mostram que 790 milhões de pessoas – cerca de uma em cada dez da população mundial – ainda vivem sem eletricidade, enquanto milhões têm um suprimento limitado ou não confiável.

Além disso, quase metade do mundo usa madeira, carvão vegetal ou resíduos agrícolas como combustível para cozinhar, o que resulta na degradação das florestas e em problemas de saúde causados pela fumaça.

A Organização Mundial da Saúde estima que a fumaça nos ambientes domésticos seja responsável por até 4 milhões de mortes prematuras a cada ano, principalmente por pneumonia em crianças, mas também por doenças pulmonares em adultos. As mulheres e as crianças estão particularmente em risco porque tendem a passar mais tempo em cozinhas enfumaçadas do que os homens.

Outros efeitos colaterais potenciais de cozinhar com combustíveis que produzem fumaça incluem o baixo peso ao nascer e a perda de visão devido à catarata. Há também o risco de queimaduras graves decorrentes de se cozinhar em fogo aberto.

Muitas pessoas sem eletricidade usam velas e lampiões a querosene para a iluminação. O querosene pode causar comprometimento da função pulmonar, asma, câncer e aumento da suscetibilidade a doenças infecciosas, como a tuberculose. Outros perigos do querosene são o envenenamento, os incêndios e as explosões.

Em muitos países, a situação energética está melhorando rapidamente à medida que a tecnologia melhora e o custo da energia renovável diminui. Porém, na África Subsaariana e em partes da Ásia, o progresso é muito mais lento, especialmente em áreas rurais remotas. Embora alguns governos tenham planos ambiciosos de conectar todas as pessoas às redes de energia, as soluções de pequena escala e fora da rede provavelmente são mais rápidas de implementar, econômicas e sustentáveis para muitas comunidades rurais.

Mudança climática

Cerca de 80% da energia mundial atualmente é fornecida por combustíveis fósseis, como petróleo, gás natural e carvão. Além de gerar poluição, que é prejudicial à saúde, a queima de combustíveis fósseis é a maior fonte global de dióxido de carbono, um dos principais causadores da mudança climática.

A mudança climática já está levando muitas comunidades vulneráveis à pobreza, à medida que as estações se tornam mais imprevisíveis e as enchentes, as tempestades e os períodos de seca se tornam mais severos. O uso contínuo de combustíveis fósseis agravará ainda mais a situação.

Para reduzir as emissões globais de dióxido de carbono e outros gases prejudiciais, é essencial que mudemos nossos sistemas de energia de combustíveis fósseis para fontes renováveis de energia, tais como a energia hidrelétrica, a energia solar, a energia eólica e o biogás.

No entanto, “renovável” não significa necessariamente “sustentável”. Os projetos de energia renovável mal planejados e não inclusivos podem causar graves impactos sociais e ambientais. Por exemplo, a construção de algumas grandes barragens hidrelétricas causou danos ambientais excessivos e o deslocamento de comunidades.

Lucas de pé em sua mercearia, na Tanzânia, esticando-se para alcançar uma prateleira alta, enquanto conversa e sorri para a cliente

Lucas, na Tanzânia, agora pode manter sua loja aberta depois de escurecer por causa do painel solar e da lâmpada que conseguiu comprar usando um empréstimo a juros baixos de seu grupo de autoajuda. Foto: Tom Price – Ecce Opus/Tearfund 

Soluções centradas nas pessoas

As soluções de energia renovável proporcionam uma oportunidade para abordar a mudança climática e a pobreza. Em muitas áreas, elas já estão se tornando as opções mais baratas de longo prazo, criando novas oportunidades de negócios e reduzindo a dependência de geradores a diesel, lenha, baterias descartáveis, velas e querosene.

No entanto, é importante que essas soluções não causem desigualdade nas comunidades ou piorem as desigualdades já existentes. As soluções de energia renovável proporcionam uma oportunidade para abordar a mudança climática e a pobreza.

Por exemplo, se apenas as famílias mais ricas de uma comunidade puderem pagar por um sistema de energia solar, as outras famílias não terão as mesmas oportunidades de estudar, trabalhar e socializar à noite, deixando-as cada vez mais em desvantagem. Da mesma forma, se as necessidades e aspirações das mulheres forem negligenciadas, elas poderão acabar trabalhando por períodos mais longos do que antes para dar conta das tarefas domésticas e de geração de renda adicionais.

As iniciativas de energia sustentável mais bem-sucedidas priorizam ouvir a opinião das pessoas e estimular a participação plena de todos. Dessa forma, é possível encontrar soluções energéticas empoderadoras e inclusivas, que levam a muitas novas oportunidades e comunidades mais saudáveis e resilientes.

Definições

Mudança climática

Mudança em larga escala e de longo prazo nos padrões climáticos ou na temperatura média da Terra devido a uma combinação de causas naturais e atividades humanas.

A camada ao redor da Terra que retém o calor e mantém o planeta aquecido é formada por gases que ocorrem naturalmente. Esses são chamados de gases de efeito estufa.

Em meados de 1800, os seres humanos começaram a queimar combustíveis fósseis, o que produz energia, mas também libera gases de efeito estufa, como o dióxido de carbono, o metano e o óxido nitroso. Agora, há muito mais desses gases na atmosfera do que deveria haver e calor em excesso ficando preso. Isso está causando o aquecimento do planeta e resultando em danos ambientais e condições meteorológicas mais imprevisíveis, como, por exemplo, tempestades, chuvas fortes e períodos de seca.

Combustíveis fósseis

Combustíveis como carvão, petróleo e gás natural, formados a partir de restos fossilizados e enterrados de plantas e animais que viveram há milhões de anos. Os combustíveis fósseis são fontes de energia não renováveis, pois um dia terminarão e não podem ser substituídos. Eles produzem grandes quantidades de dióxido de carbono e outros gases de efeito estufa quando queimados, contribuindo para a mudança climática.

Rede de energia

Energia gerada em centrais elétricas e transportada dentro de uma região ou um país através de uma rede de cabos elétricos ou gasodutos.

Energia renovável

Energia proveniente de fontes que são constantemente reabastecidas e que não terminam. Ela inclui a energia solar, a energia eólica e a energia hidrelétrica, bem como o biogás: combustível produzido pela decomposição de matéria orgânica, como restos de alimentos e dejetos animais. A lenha é renovável se forem plantadas novas árvores para substituir as que foram cortadas.

Sistema de energia solar

Equipamento que fornece energia por meio de painéis solares fotovoltaicos, os quais absorvem a luz solar e a convertem em eletricidade. O sistema pode incluir uma bateria para armazenar a eletricidade e um inversor para convertê-la em uma forma utilizável.

Sustentabilidade

Atender às necessidades de hoje sem comprometer a capacidade das gerações futuras de atenderem às suas próprias necessidades.

Objetivos de desenvolvimento sustentável

Um conjunto de 17 objetivos para erradicar a pobreza, combater a desigualdade e a injustiça e enfrentar a mudança climática até 2030. Os objetivos foram adotados pela maioria das nações do mundo na Cúpula das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável, em 2015.

Leitura adicional

Powering past oil and gas

Este documento informativo, publicado pela CAFOD, Tearfund e Christian Aid, examina a relação entre o petróleo, o gás e a pobreza, bem como os principais aspectos a serem considerados na transição para o desenvolvimento com baixas emissões de carbono. Faça o download em learn.tearfund.org (em inglês).

Pioneering power

Este relatório, publicado pelo Overseas Development Institute e pela Tearfund, examina o desafio de como levar energia a mais de 1 bilhão de pessoas que vivem sem eletricidade. Faça o download em learn.tearfund.org (em inglês).

Sustentabilidade ambiental – um guia Roots

Editado por Rachel Blackman e Isabel Carter

Este guia explica como os projetos, as práticas organizacionais e os estilos de vida podem se tornar mais sustentáveis do ponto de vista ambiental. Faça o download em learn.tearfund.org ou entre em contato conosco para solicitar exemplares impressos em português, inglês, francês ou espanhol.

Sites úteis

un.org/sustainabledevelopment/energy

Informações sobre o progresso do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 7: energia limpa e acessível. Disponível em vários idiomas.

  Mike Clifford

Mike Clifford é professor associado da Faculdade de Engenharia da Universidade de Nottingham, no Reino Unido. Seus interesses de pesquisa incluem tecnologias apropriadas e sustentáveis, particularmente fogões para uso em países de baixa e média renda.

Compartilhe este recurso

Se você achou este recurso útil, compartilhe-o com outras pessoas para que elas também possam se beneficiar

Cadastre-se agora para receber a revista Passo a Passo

Uma revista digital e impressa gratuita para pessoas que trabalham na área de desenvolvimento comunitário

Cadastre-se agora

Preferências de cookies

Sua privacidade e paz de espírito são importantes para nós. Temos o compromisso de manter seus dados em segurança. Somente coletamos dados de pessoas para finalidades específicas e não os mantemos depois que elas foram alcançadas.

Para obter mais informações, inclusive uma lista completa de cookies individuais, consulte nossa política de privacidade.

  • Estes cookies são necessários para o funcionamento do site e não podem ser desativados em nossos sistemas.

  • Estes cookies permitem-nos medir e melhorar o desempenho do nosso site. Todas as informações coletadas por eles são anônimas.

  • Estes cookies permitem uma experiência mais personalizada. Por exemplo, eles podem lembrar em que região você está, bem como suas configurações de acessibilidade.

  • Estes cookies ajudam-nos a personalizar os nossos anúncios e permitem-nos medir a eficácia das nossas campanhas.