Da: Medicamentos tradicionais – Passo a Passo 48

Uma discussão sobre como usar os medicamentos tradicionais com segurança e eficácia

A malária é um problema sério e cada vez maior no mundo inteiro, causando a morte de aproximadamente 2,5 milhões de pessoas por ano. O parasita da malária cria cada vez mais resistência contra as drogas conhecidas para a malária. Estão sendo criadas novas drogas, mas estas são, geralmente, caras e difíceis de serem obtidas. Entretanto, a medicina tradicional parece estar oferecendo uma nova esperança.

A planta Artemisia annua (artemísia) é o tratamento antimalárico conhecido há mais tempo, tendo sido usado na China por mais de 2.000 anos. Ela contém a substância artemisinina.

A artemisinina elimina o parasita do sangue mais rapidamente que qualquer outra droga e funciona bem contra os parasitas Plasmodium falciparum, os quais são resistentes a outras drogas.

Produção de artemisinina

A artemisinina pode ser obtida em forma de produtos comerciais, provavelmente custando entre 3 e 20 dólares por tratamento. Se a demanda crescer, os preços provavelmente baixarão ainda mais.

As drogas com artemisinina devem ser dadas por pelo menos cinco dias, de preferência sete, se forem utilizadas sozinhas. Os tratamentos mais curtos são úteis, se forem combinados com outras drogas antimaláricas. A “terapia de combinação” é uma boa forma de se prevenir a multi-resistência às drogas no futuro.

Ainda não foram vistos efeitos colaterais sérios da artemisinina depois de milhares de tratamentos.

O híbrido da Anamed

A Anamed também criou uma variedade particular da Artemisia annua, que sempre possui uma alta concentração de artemisinina. Este híbrido chega a até dois metros de altura, com muitas folhas. Se for plantada em quantidade numa horta medicinal e processada cuidadosamente, a Artemisia annua var anamed pode ajudar um hospital a ter um tratamento barato e eficaz contra a malária.

As sementes da artemísia são muito pequenas e sensíveis, necessitando de muito cuidado. A Anamed pode fornecer sementes desta variedade com as instruções completas (veja a página 14). Embora seja caro, este pode ser um investimento valioso. Uma vez que a planta estiver estabelecida, podem-se tirar mudas (rebentos) e distribuílas facilmente pela região.

Resistência às drogas

A OMS pede que a artemisinina e outras drogas obtidas a partir da Artemisia annua sejam usadas somente para tratar a malária e não como um medicamento preventivo. Eles também recomendam que sejam usadas juntamente com outras drogas antimaláricas, para evitar a resistência.

Conteúdo com tags semelhantes

Compartilhar este recurso

Equipar pessoas que trabalham ao redor do mundo para erradicar a pobreza e a injustiça